Autor Tópico: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)  (Lida 1830 vezes)

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #15 em: Fevereiro 18, 2017, 22:28:25 pm »

Tinha colocado um ponto de GPS no itinerário no suposto miradouro del Mojón de la Víbora, com vista sobre Ubrique… Não percebemos à primeira nitidamente onde se encontrava… Era uma espécie de pequeno descampado abandonado ao lado de uma moradia… De facto daqui avistava-se Ubrique, mas mesmo muito lá ao longe.

http://danielsantos-gallery.com/img/s10/v99/p2210290525-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Ubrique, já tínhamos visitado na primeira parte dos Pueblos. Mas na altura estava a chover copiosamente, o que permitiu ver pouco mais que a avenida central e beber um café numa esplanada… Desta vez íamos com rota feita que nos iria fazer passar por ruas e ruelas deste Pueblo encantador... Ubrique é conhecido pela sua indústria de peles que está fortemente ligada a sua origem árabe. É também um pueblo de dimensões consideráveis, alberga cerca de 17.000 habitantes (Villaluenga que visitámos antes, tem cerca de 500). Como vários outros pueblos está arrumado junto a uma encosta rochosa e localiza-se geograficamente no limite do Parque Natural da Serra de Grazalema e do Parque Natural Los Alcornocales. Já agora para quem conhece, a loja de material de moto Ubricarmotos é aqui que está sedeada.

http://danielsantos-gallery.com/img/s12/v186/p717105939-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Entrámos por Ubrique e fui tentando seguindo o percurso do GPS. A ideia era tentar subir à parte mais antiga que se encontra junto à encosta para conseguir arranjar um bom ângulo de vista sobre a cidade.

Não estava a correr mal. Começámos tranquilamente a subir pelas ruelas e estas a estreitar… Curva para aqui, curva para ali e conseguimos subir próximo do ponto que pretendia… Mas a dada altura o GPS dizia-me para seguir em frente e era impossível… Ups… Vamos aqui por cima pensei eu… Mas nada feito, 20 metros depois chegamos a um beco sem saída… Bonito… Agora temos de dar meia-volta às Tigers… Com muita calma, um de cada vez fizemos aquela dança do chega à frente, chega atrás e lá se conseguiu inverter a marcha… Mesmo não sendo pequenas estas máquinas são formidáveis de manusear… Por esta altura percebi que não valia a pena ateimar no caminho. Tinha visto uma espécie de pátio em forma de varanda com boa vista sobre a cidade, mas certamente que não é por aqui que se la vai… Já estávamos a transpirar com a ginástica, vamos mas é para baixo e continuar a viagem… Voltámos à avenida principal e seguimos para a saída... Mas nada melhor que um videozito curto do momento.

https://vimeo.com/204675870

Vamos à próxima…

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #16 em: Fevereiro 19, 2017, 22:22:17 pm »

Fomos um bocadinho mais abaixo da Serra, até à próximo da aldeia de Algar. Aqui o encanto não é o pueblo que acaba por ser pequeno e banal, mas a albufeira que está próxima, a Presa de Los Hurones é digna de nota. São 900 hectares de água aqui retidos que asseguram água potável, de regadio e produção de energia hidroeléctrica. A sua importância é relevante já que esta região é a que apresenta maior precipitação anual em toda a província de Cádis…

http://danielsantos-gallery.com/img/s/v-2/p1505221395-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Existe um empreendimento turístico na encosta virada para a presa, designado por Tajo del Aguila. É um espaço de acesso público com um restaurante e algumas casas rurais para arrendar.

http://danielsantos-gallery.com/img/s5/v127/p2211631768-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Por aqui quase se chega lá abaixo à água, e quando digo baixo é mesmo isso. A inclinação é quase a pique!... A estrada é circular, pelo que se vai por um lado e volta-se por outro. Foi o que fizemos. Entrámos no complexo e fomos dar a voltinha lá abaixo… Depois estacionámos as motas junto ao restaurante onde comprámos umas garrafas de água. Já estava a ficar uma brasa do cacetinho…

http://danielsantos-gallery.com/img/s4/v11/p2211626323-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Muito bonita esta zona… Ficam as fotos para o atestar.

http://danielsantos-gallery.com/img/s12/v177/p2211650138-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Bom, e depois de andar pelo Sul, siga agora para o Norte da Serra...

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #17 em: Fevereiro 22, 2017, 23:41:47 pm »

Ora então continuando.

Rumámos para Norte em direcção ao pueblo que dá nome a este Serra.

Antes ainda passámos por um pueblito de nome El Bosque, mas depois da dose destes dias nada de muito interessante a destacar por aqui... E passámos também ao lado do seguinte, Benamahona, que é ainda mais pequeno que o anterior.

Finalmente Grazalema. Pueblo grande e bonito enfiado numa cova no meio das montanhas de calcário.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v22/p2216006383-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


A origem de Grazalema é muito antiga, sabendo-se que em 715 foi conquistada pelos Mouros e em 1485 reconquistada a estes, junto com mais outros seis pueblos de onde se incluem também Ubrique e Villaluenga del Rosario... Nessa altura assumiu o nome de Zagrazalema.

Estacionámos a motos próximo da praça e fomos dar uma voltinha curta por ali.

http://danielsantos-gallery.com/img/s7/v166/p2213181071-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


As ruazinhas são o máximo... Casitas de um branco impecável amontoadas umas contra as outras.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v20/p2216002245-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


A maioria destes pueblos foi arrasado e saqueado durante a Guerra da Indepência (século XVIII) e depois durante a Guerra Civil Espanhola (século XX)... Grazalema não foi excepção. Felizmente perdurou, mesmo com uma valente redução demográfica. Tem resistido nestes esconderijos desta bela serra, preservando os seus traços originais sem deixar de se ajustar racionalmente ao turísmo, valorizando também os seus produtos regionais.

http://danielsantos-gallery.com/img/s10/v104/p2213181075-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Por falar nisso, Grazalema e arredores (nomeadamente Villaluenga del Rosario e Montejaque) são região demarcada das cabras payoyas que apenas se encontram aqui. Destas faz-se o queijo payoyo, um produto tradicional desta região.

http://danielsantos-gallery.com/img/s12/v179/p2214339727-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Foi só uma voltinha, já que estava na hora de almoço... Melhor tratar da bucha agora e deixar a visita mais tranquila para depois.

Seguimos para a praça principal onde estavam os comes e bebes... Muito movimento por aqui.

Havia uma enorme esplanada que parecia bem simpática... Mas bolas, não cabia lá nem mais um alfinete!

http://danielsantos-gallery.com/img/s10/v108/p2216002244-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Acabámos por arranjar lugar num interior de um restaurante com aspecto agradável.

A ementa era assim, assim... Aquele típico menu de dois pratos... Mas vamos a isso que também fica em conta.

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #18 em: Fevereiro 23, 2017, 22:09:54 pm »

Depois do almoço fomos dar mais uma volta para desmoer a coisa...

Logo ali na praça vimos uma peça rara, um Ford Mustang GT500 último modelo a fugir que se pode ainda ver na foto abaixo.

http://danielsantos-gallery.com/img/s7/v162/p2214557291-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Bela máquina com um V8 americano (que se fazia bem ouvir) de 5.400cc.

E seguimos ruela acima, ruela abaixo, sempre de máquina fotográfica na mão.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v20/p2213181078-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Caramba, tem mesmo um ar castiço este pueblo!

http://danielsantos-gallery.com/img/s2/v73/p2217147968-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


http://danielsantos-gallery.com/img/s9/v90/p2217133985-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


http://danielsantos-gallery.com/img/s4/v64/p2214339728-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)

Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)

http://danielsantos-gallery.com/img/s2/v61/p2214339720-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Depois voltámos até ao estacionamento onde se pode apreciar uma vista grandiosa da serra a partir de um balcão.

http://danielsantos-gallery.com/img/s4/v68/p2214500451-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


E se as motos há pouco ficaram sozinhas, agora estavam bem acompanhadas.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v19/p2217155714-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Siga para mais uma!

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #19 em: Fevereiro 28, 2017, 17:18:55 pm »

Depois de Grazalema subimos a El Gastor, mais outro vilarejo simpático de média dimensão.

Existe um miradouro na saída a Este onde se pode captar uma boa imagem do pueblo.

http://danielsantos-gallery.com/img/s6/v146/p2218299401-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


http://danielsantos-gallery.com/img/s/v-2/p1505222895-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Dali seguimos para Setenil de las Bodegas, um dos pueblos que já tínhamos visitado em 2012, mas que sabe sempre bem revisitar.

Setenil tem esta curiosa característica de ter parte do seu centro urbano encaixado nas escarpas do rio Guadalporcún que atravessa o pueblo.

http://danielsantos-gallery.com/img/s4/v66/p2221575800-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)

« Última modificação: Fevereiro 28, 2017, 17:21:04 pm por Cobra »

Cobra

  • Membro
  • *
  • Mensagens: 256
Re: Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)
« Responder #20 em: Fevereiro 28, 2017, 17:19:31 pm »

Trata-se de um pueblo que desempenhou um papel importante da reconquista dos espanhóis aos árabes, já que Setenil era considerado inconquistável.

E assim o seu nome deriva da sua fama, "Septem nihil" em Latim ou "Sete cercos" (ou sítios), tendo ocorrido o último em 1484.

Estacionámos as Tigers e fomos dar uma voltinha ao conjunto histórico que se resume as ruas encaixadas debaixo da pedra de cada lado do rio...

http://danielsantos-gallery.com/img/s2/v53/p2221575802-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Uma chama-se "Calle del Sol" e é onde se encontram a maioria dos bares.

http://danielsantos-gallery.com/img/s3/v8/p2221575795-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


http://danielsantos-gallery.com/img/s11/v28/p2221576377-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


A outra é a "Calle de la Sombra"....

http://danielsantos-gallery.com/img/s10/v101/p2221575793-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


E percebe-se de onde vem o nome, tem uma parte totalmente coberta pela rocha.

http://danielsantos-gallery.com/img/s2/v70/p2222479491-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Incrível a confiança de morar debaixo de tanta pedra.

http://danielsantos-gallery.com/img/s10/v101/p2222498966-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Não sendo dos pueblos mais bonitos, não deixa de ser um dos mais interessantes.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v57/p2222498976-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


E mais um registo para a posteridade antes de rumarmos daqui para Ronda.

http://danielsantos-gallery.com/img/s/v-2/p1472028774-4.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


Queríamos chegar cedo a Ronda, para ainda poder dar uma voltinha à cidade.

Mas antes ainda fizemos um circuito de mota (à semelhança de Ubrique) pelas ruelas de Setenil.

http://danielsantos-gallery.com/img/s1/v46/p2221575799-5.jpg
Rota dos Pueblos Blancos II (10-13SET2015)


E depois, siga para Ronda!